Votar neste projeto

Giovana  |  Ponta Grossa, PR

Fronteiras da cidade

Vivemos em meio ao concreto, perdidos em universos tecnológicos e na selva de pedra das cidades. Mas como podemos encontrar serenidade para além das fronteiras do urbano? Onde termina a cidade e começa o céu? A arquitetura reflete as fronteiras silenciosas da cidade. Em suas linhas e sinuosidades, percebemos uma história e cultura genuínas. Também é possível encontrar sujeitos transgressores desses traçados: uma pomba na região fronteiriça entre a cidade e o céu; árvores rebeldes, que ultrapassam os limites do urbano em direção ao azul celeste. Esse projeto investiga as fronteiras físicas e imaginárias das cidades em um ensaio fotográfico realizado em Ponta Grossa - PR.