Lucia Du Plessis Lang  |  Sao Paulo, SP

Marco Zero

Esse ano, após o fim do isolamento, retornei ao centro de São Paulo que costumo fotografar e pude ver a grande transformação que se operava nas ruas como reflexo da pandemia. Como grande parte dos transeuntes sumiram passei a ver um centro sem maquiagem e um transcorrer do dia que agora se dá apenas para seus habitantes. Logo ao chegar percebo o final de uma vida noturna que ainda percorre as ruas e juntamente com o sol que amanhece, os pontos de droga vão aos poucos se mostrando. Apesar da região estar passando por uma revitalização ela ainda é o principal local onde rapidamente pode se sentir as consequências do aumento da carência e da vulnerabilidade das pessoas em momentos de crise. Nesses meses que estamos enfrentando de pandemia e incertezas tenho visto cada vez mais esse cenário de desintegração de parte da sociedade e isso criou em mim um sentimento muito forte de impotência e vazio. Nessas imagens tento passar essa sensação de total insegurança em que nos encontramos tanto quanto ao término dessa situação como quanto as consequências.