Adriana Vianna Teixeira  |  São João Del Rei, MG

Onde dorme o Sol

O projeto inteiro tem muitas fases de autorretratos com reflexos em espelhos realizados durante a pandemia. Nessa série trata-se de uma distopia que realiza a crise com uma imagem feminina ausente, porém seu reflexo preso dentro de uma caixinha de música, a caixa de pandora; do lado de fora quem dança é tempo de quem se espera resposta. As imagens foram concebidas a partir de uma leitura no texto 'O Conto de Aia' de Margaret Atwood que questiona o totalitarismo e a condição feminina que sofre opressão. Embora o trabalho inspirado para o feminino, a condição de crise e opressão alcançou a todos na pandemia, deixando-nos presos dentro de nossas caixas onde só arte dá liberdade. “Nós ansiávamos pelo futuro".