Votar neste projeto

Paulo Vasques de Miranda  |  Rio de Janeiro, RJ

Poça espelho do céu

A água nós engarrafamos, encanamos e torneiramos para dominar o seu uso tão essencial para a nossa vida. Mas a chuva traz a água selvagem, sem domínio, nos lembrando que a natureza é quem domina e deixa a poça nos cantos e praças, que generosamente reflete o céu de onde veio e a cidade onde ela está. A poça é mais uma perspectiva do olhar.